Foto: Divulgação DETRAN-PE

Texto: Jô Lima DRT/PE 1443

O Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, intensificou o trabalho de educação e fiscalização de trânsito no polos pré-carnavalescos. Agentes de trânsito das Operações Rota de Fuga – ORF, e Trânsito Seguro – OTS, realizaram blitz entre os dias 15 e 17 de fevereiro, nos municípios de Jaboatão dos Guararapes, Recife e Olinda, quando abordam 1100 veículos.  

Na ação, que contou com a parceria da Polícia Militar – PM, e do Batalhão de Policiamento de Trânsito – BPTran, foram autuados 216 condutores por não uso do cinto de segurança, inclusive no banco traseiro; falar ao celular durante a condução do veículo; não portar Carteira Nacional de Habilitação – CNH, e documento de porte obrigatório (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo – CRLV); falta de equipamento obrigatório de segurança; e levar criança sem o uso da cadeirinha. Desses, 49 tiveram o veículo removido para o depósito do Órgão; foram realizados 438 testes de alcoolemia, desses 25 condutores foram autuados por alcoolemia.  

A OTS tem como foco infrações do cotidiano, comuns nas ruas e avenidas, sempre garantindo o cumprimento das leis e da fluidez do trânsito. Já a ORF, foge do modelo convencional de blitz estática e mobiliza as equipes para que os agentes se posicionem estrategicamente, a fim de impedir a evasão dos infratores, tem como objetivo principal coibir a realização de manobras perigosas nas vias, colocando em risco a segurança no trânsito, inclusive dos pedestres.

O Diretor Presidente do DETRAN-PE, Roberto Fontelles, alerta que os agentes de trânsito estão nas ruas para garantir aos cidadãos mais tranquilidade. É importante que cada um faça seu papel, os condutores devem ter prudência na hora de dirigir e não fazer a mistura fatal que é álcool e direção.