Foto: Divulgação DETRAN-PE

Texto: Jô Lima DRT/PE 1443  

A equipe da Coordenação de Educação para o Trânsito do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, e agentes de trânsito das Operações Rota de Fuga – ORF, e Trânsito Seguro – OTS, em parceria com a Federação Pernambucana de Motociclistas – FEPEM, Universidade de Pernambuco – UPE, e os Motoclubes Brokk, Anjos do Evangelho, Mulheres do Asfalto, Road Racer e Bros, promoveram hoje (09), na Av. 17 de Agosto, blitz educativa, quando foram realizadas 300 abordagens para alertar motociclistas sobre os perigos do trânsito e o alto índice de mortes e feridos. A ação faz parte do Movimento Maio Amarelo 2019, que esse ano trabalha sob o slogan “No trânsito, o sentido é a vida”, com foco nos adolescentes e adultos. 

O objetivo foi chamar a atenção da população para um trânsito mais seguro. O Maio Amarelo não é apenas uma campanha, mas sim uma ação, onde toda a sociedade é convidada a participar de debates sobre trânsito e como torná-lo mais seguro. Um assunto que preocupa diversos países e que precisa ser conversado. A ideia é definir ações mais eficazes para promover a conscientização de motoristas, pedestres e motociclistas. 

Alunos e professores do Colégio de Cirurgia Buco-Maxilo-Facial da UPE, alertaram sobre traumas de face em acidentes de moto, chamando atenção dos motociclistas sobre a necessidade do uso correto de equipamentos de segurança.